16 de abr de 2009

CRISE??

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, As vendas no comércio varejista cresceram 1,5% em fevereiro, na comparação com janeiro, Foi o segundo mês consecutivo de aceleração, após um trimestre de taxas negativas. No mesmo período, a receita gerada pelo setor teve elevação de 1,7%.

Por Estados, as principais contribuições para a alta na taxa de vendas do comércio varejista em fevereiro, sobre janeiro, foram registradas em Piauí (4,0%); Maranhão (2,8%); São Paulo (2%); Paraíba (1,8%); Santa Catarina (1,9%) e Mato Grosso (1,8%). Em relação a fevereiro de 2008, as maiores participações na composição da taxa do varejo vieram de São Paulo (5,9%); Rio de Janeiro (6,4%); Paraná (3,3%); Bahia (4,0%) e Santa Catarina (3,6%).

Em fevereiro, sete das dez atividades pesquisadas tiveram altas no volume de vendas, com ajuste sazonal: Veículos e motos, partes e peças (4,6%); Outros artigos de uso pessoal e doméstico (4,3%); Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (4%); Material de construção (3,8%); Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (2,9%); Combustíveis e lubrificantes (2,7%); Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (1,9%).


Por: Wlyssys Yguana, com informações de Diário da Grande ABC


Nenhum comentário: