18 de ago de 2010

Flávio: Nossa candidatura está crescendo. Vamos para o segundo turno e vamos vencer as eleições

O candidato ao governo do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) fez, neste domingo, um balanço positivo de sua campanha rumo ao Palácio dos Leões. Em viagem pelo interior do estado desde a última quinta-feira, Flávio voltou a São Luís para liderar mais uma carreata na capital maranhense, cujo roteiro dessa vez foi a área Itaqui-Bacanga. “Nossa candidatura está crescendo. Tenho a convicção da nossa presença no segundo turno e vamos ganhar as eleições”, declarou Dino antes de dar início à carreata. Nesta segunda-feira, o candidato faz campanha em Barreirinhas.

De acordo com Flávio Dino, o apoio à sua candidatura vem crescendo no interior do estado o que pode ser observado, segundo ele, a partir da mobilização espontânea que vem ocorrendo em vários municípios maranhenses por onde tem andado. “È claro, visível e bastante firme o sentimento de mudança, de necessidade de renovação da política do nosso estado”, afirmou.

Ao comentar o resultado da pesquisa da Escutec divulgada neste domingo, Flávio disse que há uma demonstração clara de que haverá segundo turno nas eleições deste ano, assim como um indicativo forte de sua presença no dia da votação em 30 de outubro. “Essa tendência está clara”, resumiu. Na sondagem divulgada neste domingo Flávio Dino foi o único candidato que cresceu entre os três primeiros melhores posicionados. Saiu de 16,8% em julho para 18,2%. “Estamos confiantes e bastante otimistas. Nossa campanha está organizada e cresce a cada dia”, disse Flávio.

Neste domingo, Flávio liderou mais uma gigantesca carreata pelos bairros que compõem a área Itaqui-Bacanga. Mais uma vez, recebeu manifestação de apoio por parte da população, que acenava positivamente durante a passagem dos carros.

Horário eleitoral

Ao ser indagado sobre qual será o tom do seu programa no horário eleitoral gratuito de rádio e TV que se inicia nesta terça-feira, dia 17 de agosto, Flávio Dino explicou que utilizará o seu tempo de propaganda gratuita para denunciar a realidade social do estado. “Ao mesmo tempo, vamos apresentar propostas concretas para mudar a situação do nosso estado, que amarga os piores indicadores sociais e econômicos”, adiantou.


Fonte: Jornal Pequeno

Um comentário:

Anônimo disse...

Nice fill someone in on and this post helped me alot in my college assignement. Thanks you for your information.